Resenha: “Pedro Páramo”, de Juan Rulfo

Um livro de fantasmas, que formam um mundo de vozes sussurrando ao nosso ouvido, aqui, o leitor tem papel fundamental na experiência e montagem do quadro dessa história.

Anúncios

quero fazer pedidos além da conta

Hoje acordei com medo de ser finita. Me decompor em cada passo dado em busca da saída mais próxima. Estava com medo de me acabar pelas mãos de quem não me toca, pelos desejos de quem jamais vai me tocar. Onde estava a maldita porta que me traria dois minutos de fôlego para poder retornar e juntar os pedaços em que me desfaço?

De um jeito que nem todos saberão amar

hoje deixei meus lábios framboesa, vermelhos e macios que intentam ao desejo. hoje acordei para ser desejada não somente por mim. quero fazer gritar os repúdios até que corram para o desconhecido. hoje permito que se acordem e me acordem, não quero mais dormir. quero que saibam que estou indo além porque fui palpitada para … Continue lendo De um jeito que nem todos saberão amar