[RESENHA] “A Amiga Genial”, de Elena Ferrante

O primeiro romance da tetralogia napolitana imerge à história de amizade de duas mulheres, Elena Greco (Lenú) e Rafaella Cerullo (Lila). A narração é iniciada em meados da década de 1950. O período do pós-guerra, a dominância da máfia na Itália, o machismo e a pobreza, formam o plano de fundo tecido magistralmente pela escritora.

Anúncios

[RESENHA] “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell

Temos aqui um livro lançado em 1945 do escritor inglês George Orwell, um clássico. Não temos muito para onde ir, a não ser em direção a essas pouco mais de 150 páginas de um romance satírico que narra a história dos animais da fazenda do solar.

[RESENHA] “Não me abandone jamais”, de Kazuo Ishiguro

Há tempos estava com vontade de ler algo do Ishiguro, afinal, um ganhador do Nobel de literatura deve ter muito a nos oferecer. O livro é narrado em primeira pessoa, pela personagem Kath H. Ela, que já possui 31 anos, está finalizando seu trabalho como cuidadora e começa a relembrar tudo o que viveu. Pela visão dela somos apresentados para seus dois melhores amigos, Ruth e Tommy, que viveram grande parte da vida juntos em um internato.

[RESENHA]: “Perto do coração selvagem” de Clarice Lispector

Livro: Perto do coração selvagem Ano: 1943 Páginas: 202 Editora: Rocco Gênero: Romance Autora: Clarice Lispector Perto do coração selvagem é o romance de estreia de Clarice Lispector. Demorei um pouco neste livro, cada página lida era um choque realístico, um tapa que nos faz acordar para algo que nem sabíamos existir. Por suas páginas … Continue lendo [RESENHA]: “Perto do coração selvagem” de Clarice Lispector